Sinopse

Eduardo de Pádua é um relojoeiro, viúvo, e que por sofrer do mal de Alzheimer aos poucos passa a esquecer momentos preciosos da sua vida. Por outro lado, Fernando, seu filho único, não consegue esquecer o quão é difícil cuidar de uma pessoa acometida dessa doença. No conflito entre os reflexos da doença e o sacrifício surge uma carta que renova esperança.